EVANGELHO



Alimentar-se diariamente do evangelho liberta nossa consciência do empirismo para uma vida com graça pautada no evangelho puro. Estar no evangelho não sentir, é estar ciente. Ser guiado por fé e não por vista. Por fé é estar alinhado ao plano dele plantado pela palavra no louvor diário. No encontro as boas novas libertam da mediocridade, do vazio existencial, das filosofias que relativiza tudo. 

No caminho se faz desnecessário tudo que não contribui para vida, a cruz é suficiente, dia a pôs dia a metamorfose acontece no desenrolar da maturidade. O homem retorna ao creador, pelo evangelho Cristo é discernido a qualquer cultura tempo e espaço, a transformação é continua, crescente.

Mente renovada, coração purificado, torna o sensível a voz do Espírito na consciência a todo tempo. Permitindo que o evangelho transborde no ser, inundados por essa fonte de amor, nos tornamos portadores da graça, amor, compaixão pelo próximo em tempo oportuno. O evangelho faz desarraigar todo modismo, mundismo, conformismo, que como raposinha vai destruindo todo desejo da vida, do Reino. O culto racional desperta o entendimento elevando a alma Crística.

No culto racional tudo é discernido, os olhos se abrem, os ouvidos são abertos, a enxergar Cristo o filho de Deus revelado ao homem na cruz. Em três anos transformou homens improváveis aos olhos humanos em apóstolos designados a uma missão celestial, iluminar o mundo com a luz do evangelho que religou a criação ao creador. No evangelho que não é passa a ser nele, quem se acha deixa de ser. No evangelho Cristo em nós gera compreensão onde tudo é de todos, e todos tem tudo em comum, como exemplificado na igreja de Atos nos primórdios. O evangelho equilibra, separa, uni, nele tudo se alinha. Viver segundo o evangelho é viver plenamente no Espírito, nascidos da água e do sangue, sendo perfeito nele o autor da nossa fé. No evangelho compreendemos as naturezas, discernindo as motivações, na graça todos passam a ter direito, garantido pelo penhor dele em nós. 

O empirismo leva a crer a partir de diversos fatores resultado de uma experiência sensorial, mas o evangelho nos constrange a partir do Espírito no encontro com Cristo no chão da vida de dentro para fora, nossa mente desperta para o verdadeiro conhecimento. Não nos deixemos ser levados pelos ventos doutrina, mas pelo evangelho que permite crescimento dia a dia, de glória em glória até a estatura do varão perfeito. Para uns ele disse; vai tua fé te salvou te salvou, , seja curado, fique limpo, perdoado estão os teus pecados, é necessário vos nascer de novo, vende tudo que tens; enfim não importa o quadro o evangelho atende e supre a todos e a tudo. As traduções podem até deturpar a escrita, mas nunca a essência do evangelho que ministrada pelo Espírito no abrir do entendimento. Ele é percebido por todos que o recebe no caminho, no caminho de Emaús é que acontece o encontro, caminho de duvida até que a graça promove o encontro da vida.

Nos últimos dias falou por meio do seu filho, sua mensagem é enviada a todos pelo evangelho, pelos seus servos cheio de graça e compaixão. A graça anunciada na antiga lei é absorvida por todos mediante á revelação do pai, no que diz; “e isto não vem de vós, é dom de Deus”. A lei é sombra, o evangelho é. O sacrifício era pedido pela lei, graça paga o debito de uma vez por todas. No sacrifício um representava na tenda do encontro, no evangelho todos tem acesso ao pai.  

O evangelho abre os olhos da consciência, da sentido a vida plena com abundancia, o evangelho liberta do jugo do pecado, da religião, de todas as amarras. O evangelho da graça redimiu a criação perante o creador, restaurou a criação, religando a vida. Habilitando a criação a favor do reino, glorificando Deus em tudo e perante todos. O favor imerecido nos fez merecedor alinhou e materializou seu plano. Por esta razão determinada está, pela graça sois salvos. No evangelho, vivemos para Cristo, por Cristo vivemos o evangelho. No evangelho a igreja de Cristo vai muito bem como sal invisível, uma igreja fora do evangelho é caos. Somente o evangelho de Cristo é útil para nos aperfeiçoar o caráter e nos habilitar a servir. Seguir a Cristo é andar livre de tudo que rouba a liberdade de ser livre. 

No evangelho somos geradores de consciência e não possuidores de alma. Somos mestres em servir o próximo. Somos imagem e semelhança, imitadores de Cristo a serviço do Pai. Somos caminhantes do caminho a serviço do Reino. No evangelho seguir a Cristo é servir ao próximo em todo tempo no caminho, sem esperar nada em troca, se esperar não entendeu nada do evangelho. 

Na medida em que o evangelho é absorvido por nós, deixamos de servir sistemas para servir somente o Reino. O crescimento acontece diariamente no caminho, andar com ele é crescer diariamente.

Nele que sou dependente incondicional, menos de mim a cada dia, e mais de sua compaixão,


Cezar Camargo    

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Páscoa, a Cruz e a Redenção

Individuação, Alta Performance & Evangelho

RITMO CIRCADIANO - O CICLO BIOLÓGICO DOS SERES VIVOS