LIVRE NO ESPÍRITO PELA GRAÇA


Entretanto, vocês não estão sob o domínio da carne, mas do Espírito, se de fato o Espírito de Deus habita em vocês. (Romanos 8:9) Deus julgou os nossos pecados na humanidade sem pecado de seu filho, que os carregou em nosso lugar. (Jonh Stott)

Uma vida de pecado deixa a criação separada do creador levando a aniquilação do ser aos poucos. Desligados do creador a humanidade cada vez se afunda na ignorância. “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres”(João 8:36)



Pense!
A cruz religa o homem; A cruz religa criação nele; A cruz libertou da lei do pecado; A cruz religa ao estado de iluminação.

Nele não há trevas nem luz tudo é, por ele o estado caído é transformado, nas trevas somos luz, no sistema sal, reequilibrando através dele todas as coisas. A liberdade concedida abre os olhos da consciência como já disse em outros textos, libertando a mente da mediocridade. Segundo F. F Bruce; “Para os que estão unidos a Cristo o poder do pecado foi destruído”. Uma mente sarada produz frutos para edificação, um corpo em Cristo auto se realiza nele como templo a serviço do creador na criação.

Vejamos então o que diz William Greathouse; “O espírito não elimina a possibilidade de pecar, mas oferece o poder de não pecar”. Nele somo perfeitos, livres do jugo do pecado. Sendo assim Paulo escreve; “E, por estarem nele, que é o Cabeça de todo poder e autoridade, vocês receberam a plenitude”. (Colossenses 2:10)

Ser mais que vencedor não implica em ganhar tudo, mas sim em não perder o domínio de si mesmo, estando sobre o Senhorio de Cristo. A liberdade da morte pela cruz dá o poder de não ser escravizado por nada. Em Cristo nosso serviço é livre por gratidão ciente que toda recompensa foi paga no calvário. Quem diz que servir é obrigação, é certo que ainda não compreendeu a liberdade pela graça. Se de fato habitação é, então somos livres para ele, e nele tudo se realiza. 

Estar no caminho da carnalidade é regredir, é aflorar o lado sombrio, perverter a pureza, desencadear um processo autodestrutivo. William Greathouse declara; “A carne é mais que sexualidade, é mais que luxúria, é o homem vivendo no nível terreno da matéria, separado de qualquer contato com o espiritual”.  

Todo ser livre sabe que é responsável pelo Reino. Ele dá o crescimento, direciona conforme teus propósitos, mas cada um anuncia o Reino em tudo, diariamente indo pelo caminho da roda da vida em seus relacionamentos na liberdade do evangelho pela graça de Cristo o ressurreto.

O Ide se realiza por ele através de nós, no desdobramento do caminho se entende que nossas adversidades habilitam para o trabalho, não é permitida por castigo, mas para evolução do ser nele. A graça de Cristo fez do barro, da coroa da criação, habitação de Deus o arquiteto de tudo e de todo, o creador por excelência.

Nele estou crucificado para glória e louvor dele, até o dia perfeito.
Nele estou livre para ser serviçal por excelência, até o dia perfeito.
Nele estou livre na graça do filho de Deus o creador.

Cezar Camargo


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Páscoa, a Cruz e a Redenção

Individuação, Alta Performance & Evangelho

RITMO CIRCADIANO - O CICLO BIOLÓGICO DOS SERES VIVOS