Sou acessível?


Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; E andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave;

(Efesios 5, 1-2).


Todo cristão deve se perguntar: ‘Sou acessível, ou geralmente dou a impressão de que estou muito ocupado?’ Hábitos que não são errados em si mesmos podem às vezes criar barreiras à comunicação. Se sempre estamos usando o telefone celular ou fones de ouvido na presença de outros, por exemplo, podemos dar a impressão de que não queremos a companhia deles. Se outros muitas vezes nos veem entretidos com um palmtop (computador de mão), talvez concluam que não queremos conversa. Naturalmente, há um “tempo para ficar quieto”. Mas, quando estamos com pessoas, em geral é “tempo para falar”.

Tempo de rasgar, e tempo de coser; tempo de estar calado, e tempo de falar; (Ecl. 3:7).

Alguns talvez digam: “Eu prefiro ficar na minha”, ou “não gosto de falar de manhã cedo”. No entanto, conversar amigavelmente mesmo sem muita vontade de fazer isso é uma maneira de mostrar o amor que “não procura os seus próprios interesses”.

Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;(1 Cor. 13:5).

Estamos vivendo em uma sociedade egoísta, capitalista, prepotente, que mergulha a cada dia na imensidão trevas, não a mais conceitos concretos da verdade entre eles, tudo pode desde que consigam seus objetivos, a decadência moral me assusta, os valores invertidos. O Ap. Paulo nos advertiu escrevendo aos Romanos  no cap.12, versos 2.

E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.

Não aceitar, conformar com este sistema corrupto, não significa se isolar do mundo com muitos fazem, é de suma importância nos relacionar com as pessoas a nossa volta, está acessíveis, sempre prontos a compartilhar o Evangelho da Graça, estender a mão aos necessitados. Nossa correria do dia a dia, não pode nos cegar ao ponto de não importar com quem precisa de um pouco de atenção, sensibilidade, não perca esta palavra de vista. O amor do eterno em nos, deixa nos humanos, amorosos, humildes, esse amor nos invade que passamos a viver um sentimento de compreensão jamais sentido, perdoar se torna uma coisa comum, está acessível tem que ser nosso prazer, já pensou em quantas oportunidades você perdeu por estar sempre correndo, buscando seus próprios interesse,  então pense no que está lendo, divirta se mais, valorize suas amizades, saia um pouco das redes sociais, saia com amigos, vá ao cinema,  ao teatro, esteja acessível. O amor não busca seus próprios interesse, pelo contrario tem prazer em fazer o bem, que nesta semana, nesta terça você possa olhar a sua volta esse envolver mais com pessoas, fazer amigos que em momentos de adversidade se tornará como irmãos, amigos é essencial pra nos conectar com o universo das diferenças sociais, ter amigos é sinal de bons relacionamentos.(PENSE NISSO)

Que a Paz daquele que excede todo entendimento esteja com todos.





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Páscoa, a Cruz e a Redenção

Individuação, Alta Performance & Evangelho

RITMO CIRCADIANO - O CICLO BIOLÓGICO DOS SERES VIVOS